Análise da Macrofauna bentônica concluída no restante do sistema lagunar Maricá-Guarapina

Compartilhe essa notícia

Ontem (09/01/2023) o laboratório da macrofauna bentônica (AEQUOR/UFF) finalizou as amostras durante a triagem de identificação dos demais compartimentos do sistema lagunar Maricá-Guarapina, envolvendo as lagoas da Barra, Padre, Guaratiba e Guarapina. Tais dados serão aproveitados para o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) do aluno de graduação em Ciência Ambiental (UFF), Pedro Sant’Anna.

Estes resultados nos permitirão conhecer melhor as comunidades de organismos bentônicos de cada lagoa e verificar se há diferenças significativas entre cada compartimento – inclusive Araçatiba que já soma sete meses de monitoramento e pesquisa. Neste último caso, está em desenvolvimento a tese de doutorado do biólogo Renan Amorim que se destina a investigar os impactos positivos que o processo de revitalização por microrganismos tem provocado na fauna bentônica.

Um dado interessante foi a identificação de uma anêmona (Cnidaria) nas amostras finais da lagoa de Guaratiba- o primeiro organismo desse táxon a ser identificado nos monitoramentos do Aequor. Apesar de incomum, a ocorrência de cnidários é possível em substratos inconsolidados.

Daqui em diante serão avaliados os dados obtidos com estatísticas para investigação de padrões e formulação de hipóteses para contribuir com o avanço científico na área de estudo.

Cadastre-se em nossa Newsletter

Receba as atualizações diretamente em seu e-mail

Veja também